News

Pachter não acredita no sucesso comercial de The Last Guardian

Michael Pachter, analista na Wedbush Morgan, não acredita no sucesso comercial de jogos como The Last Guardian ou Shenmue 3 porque sã...



Michael Pachter, analista na Wedbush Morgan, não acredita no sucesso comercial de jogos como The Last Guardian ou Shenmue 3 porque são jogos de nicho e um deles até foi diversas vezes adiado.

Apesar da consola PlayStation 4 desfrutar de imenso sucesso, o mesmo não se pode dizer de todos os seus exclusivos em termos comerciais e, segundo Pachter, o facto de os jogos estarem constantemente a sofrer atrasos, não ajuda nada. De todos os exclusivos da Sony na PS4, somente Bloodborne não foi adiado e Pachter acredita que existe uma ambição desmedida.

"Honestamente, penso que estas fabricantes são demasiado ambiciosas," disse Pachter em entrevista com o Gamingbolt. "Esperam todas conseguir lançar as coisas a tempo. Das três, diria que a Nintendo é de longe a pior em termos de lançar as coisas a tempo. Com toda a justiça, não prometem nada, portanto, ao contrário da Sony, a Nintendo não nos leva a acreditar que existe um novo Zelda no lançamento da Wii U. Não fizeram isso."

"Infelizmente, a Nintendo tem uma quantidade tão gigante de seguidores que eles simplesmente ficam à espera. Quer dizer, eles têm cerca de trinta séries importantes. Mas as pessoas esperam que uma entre as cinco melhores seja lançada todos os anos, e a Nintendo não conseguiu cumprir, e não sei porquê."

Sobre a Sony, Pachter acredita que apesar da companhia não ter tantas séries importantes, consegue lançar novos jogos nas que importam, enquanto as piores são as que se atrasam.

"A Sony não tem tantas séries importantes, mas conseguem lançar as suas mais importantes. As que se atrasam são as fracas. Quer dizer, vamos ser sinceros, The Last Guardian - por muito divertido que acredites que possa ser, dificilmente será um Uncharted ou um The Last of Us. Será um jogo de nichos. Shenmue o mesmo. É um título razoável fora do Japão, mas quantos milhões vai vender? Não muitos."

2 comentários:

  1. Discordo. A pré-venda de The Last Guardian no Brasil está praticamente esgotada.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Correto e duvido que o Patcher tenha se dado ao trabalho de pesquisar as razões do longo atraso na produção do game The Last Guardian, antes de falar tanta bobagem.

      Excluir

Nos deixe saber sua opinião...