News

Novo projeto misterioso da Konami pode ter relação com Silent Hill Apesar dos aparentes esforços, a  Konami  é uma das produtoras q...

Novo projeto misterioso da Konami pode ter relação com Silent Hill


Apesar dos aparentes esforços, a Konami é uma das produtoras que mais se mantém distante de seu público originário. Fãs de CastlevaniaMetal Gear Solid e até mesmo Silent Hill já não suportam as tentativas frustradas de títulos “inovadores“. Temos como exemplo disso o próprio caso de Contra: Rogue Corps, que foi um fiasco completo. Mas talvez, a companhia tenha uma grande oportunidade através da nova geração de consoles. E segundo novos indícios, talvez Silent Hill seja o primeiro título que veremos no PS5 e Xbox Scarlett.
Para 2021, a Konami possui um projeto intitulado Project Fog. Evidentemente seu nome gerou repercussão, devido ao fato de “fog” ser traduzido como “Névoa“. Desta forma, o projeto aparentemente teria relação com uma névoa específica, nos levando a acreditar que possa estar relacionado a Silent Hill.

Vale ressaltar que, este ano, a própria Konami declarou que pretende investir em marcas “globalmente conhecidas“. Por consequência, Silent Hill seria uma das primeiras opções, levando em conta que se trata de uma saga existente desde os primórdios do Survival Horror. Sendo assim, talvez a proposta realizada por Hideo Kojima – através de P.T. – tenha rendido novos frutos para o desenvolvimento da série.
Mas em contrapartida, podemos esperar qualquer tipo de jogo se tratando da Konami. Os últimos anos nos mostram que a empresa está mais focada em jogatinas através de cassinos e derivados do que a própria base de consoles da indústria. Desta forma, é difícil prever se o suposto Silent Hill seria necessariamente um título para o próximos consoles – presumindo seu lançamento em 2021 para os já estabelecidos Xbox Scarlett e PS5.
Em conclusão, nos resta apenas aguardar por novidades e maiores informações a respeito do projeto misterioso.

A Amazon poderá ser a próxima companhia a apostar nos serviços de streaming de jogos via nuvem. Apesar de ainda não ter sido anunciad...

A Amazon poderá ser a próxima companhia a apostar nos serviços de streaming de jogos via nuvem.

Apesar de ainda não ter sido anunciado oficialmente a sua intenção de apostar num serviço destes, a Amazon está a recrutar funcionários para a sua equipa de serviços na nuvem e os rumores continuam a surgir.
Segundo a CNET, via TheVerge, a Amazon prepara uma nova iniciativa na nuvem e poderá também estar a preparar a integração do seu serviço com o Twitch, para a transmissão de gameplay.
Na oferta de emprego, a própria Amazon sugere algo relacionado com videojogos e fala da evolução de comunidades nas arcadas que evoluíram para as transmissões em direto e eSports.
A Amazon fala ainda da capacidade de conectar jogadores numa escala grandiosa e procura engenheiros para trabalhar em "jogos na nuvem", o que reforça a possibilidade de estar a preparar um serviço de streaming de videojogos.
Depois da Microsoft e Google, a Amazon poderá ser a terceira grande companhia dos Estados Unidos a apostar em grande no streaming de videojogos em 2020, mas por enquanto teremos de permanecer atentos a novidades.

A grande varejista Amazon liberou diversos bundles do Xbox, e agora é possível realizar um upgrade para o Xbox Scarlett. Confira...

A grande varejista Amazon liberou diversos bundles do Xbox, e agora é possível realizar um upgrade para o Xbox Scarlett.



Confira a nota da empresa:

Opção de upgrade equivalentes a 18 parcelas de pagamento para adquirir o console de nova geração que chega em 2020. Para realizar um upgrade utilizando a versão Xbox One S All-Digital Edition será necessário o pagamento de parcelas de 20 dólares ao mês. Esse plano requer o retorno do console, controle e carregador em boas condições.


Com isso podemos ter uma noção do preço que o Xbox Scarlett pode chegar, levando e conta que as parcelas giram em torno de 360 dólares + o valor do console usado, o preço final do novo console deve ficar na casa dos 500 dólares. É uma boa sacada da Microsoft levando em conta que basta dar seu console usado com um custo adicional, você leva um Xbox de nova geração.

Por enquanto já está liberado nos EUA, no Brasil ainda não há previsão.
Fonte: Gameidealist

A Xbox apresentou diversos novos jogos e como certamente reparaste, existe uma incrível diversidade no catálogo que os Xbox Game Studios es...

A Xbox apresentou diversos novos jogos e como certamente reparaste, existe uma incrível diversidade no catálogo que os Xbox Game Studios estão a preparar e esse é um dos principais objetivo.

Aaron Greenberg, da equipe de Marketing na Xbox, acredita que o mais importante é apoiar as visões dos estúdios e que não faz sentido perseguir à força o conceito de jogos como um serviço.
Questionado pelo Kotaku sobre a mudança de uma Microsoft focada nos jogos como serviços no início da geração para uma Microsoft mais focada em diversificar, Greenberg diz que o processo resultou de uma aprendizagem que alberga toda a indústria.
"Sim. Escuta, penso que toda a indústria está numa espécie de jornada de aprendizagem nos jogos como serviço," diz Greenberg.
"Para nós, damos poder às equipas criativas para seguirem e criarem os jogos que querem e penso que é fantástico que a Rare queria criar Sea of Thieves e fazer algo novo com a ideia de 'jogos como um serviço', respeitamos e apoiamos totalmente para continuarem a fazer isso."
"Mas também aceitamos um jogo que tenha um início, meio e um fim e penso que The Outer Worlds e Wasteland 3 são bons exemplos disso. Continuaremos a apoiar as equipas que o querem fazer."
Greenberg diz que o feedback dos fãs é poderoso e que a indústria encontrará um ponto de maior equilíbrio, no qual o conceito de jogos como um serviço não será forçado em jogos onde não encaixa.
"É bom mostrar muitos jogos novos num evento como este e entre esses jogos novos podes ver que nem tudo é construído como um serviço. Mas dito isto, em alguns faz sentido e iremos continuar a apoiá-los e aos fãs que jogam esses jogos."

O chefe da divisão Xbox Phil Spencer disse que a Microsoft visa prestar suporte para o sistema Play Anywhere na próxima geração, permitindo...

O chefe da divisão Xbox Phil Spencer disse que a Microsoft visa prestar suporte para o sistema Play Anywhere na próxima geração, permitindo cross-play, cross-buy, cross-save, e conquistas compartilhadas entre Xbox One, Xbox Scarlett e Windows PC.

Ao Stevivor na X019, o executivo disse: "Nossa meta para os nossos games first-party é que suas posses e suas conquistas sejam movidas efetivamente com o seu save porque é ali que eles estão."



A empresa quer fazer a transição entre o Xbox One e o Xbox Scarlett ser mais suave do que a do Xbox 360 e Xbox One. "O 360 ao One não deveria ter sido feito separadamente. Conversamos sobre como o setor digital seria importante para essa geração, e ainda assim não movemos as compras digitais do 360 ao Xbox One. Eu sempre vi isso como um erro", conta Spencer.

Ele também espera que desenvolvedoras third-party se inspirem no Play Anywhere, mas deixa claro que a situação está fora do controle da Microsoft. "Pensamos que é bom que games third-party permitem que mais jogadores joguem, mas é um relacionamento com as empresas. Eles são donos do próprio conteúdo", comenta Spencer. "Assim como alguns third-parties estão no Game Pass e outros não, e isso é escolha deles."

O Stadia, serviço de streaming de jogos do Google, foi lançado nesta terça-feira (19) e passa por algumas críticas iniciais – em especial ...

O Stadia, serviço de streaming de jogos do Google, foi lançado nesta terça-feira (19) e passa por algumas críticas iniciais – em especial da imprensa especializada, que teve acesso ao serviço antes de ser disponibilizado ao público final. Os relatos dizem que o Stadia apresenta grande atraso entre os comandos e o que é visto na tela, além de exigir, de fato, uma conexão com a Internet bem potente.


O jornal The Washington Post publicou um vídeo no Twitter, onde mostra o atraso dentro de um jogo de tiro. O jornalista pressiona o botão de pulo para que o personagem realizasse a ação, mas ela só é executada com alguns milissegundos de atraso, bem visíveis no vídeo. A publicação também informa que a Internet é das mais velozes.
Stadia promete streaming de jogos famosos — Foto: Reprodução/GoogleStadia promete streaming de jogos famosos — Foto: Reprodução/GoogleStadia promete streaming de jogos famosos — Foto: Reprodução/Google
O Google Stadia tem sido recebido com diversas desconfianças nas últimas semanas – desde seu anúncio inicial. Por se tratar de um sistema que roda jogos apenas via Streaming, sem a necessidade de um console, exigindo apenas Internet, muitos jogadores acreditam que ele não funcionará bem, neste primeiro momento.
A quantidade de jogos da leva inicial também foi uma das críticas que o Stadia recebeu. Neste ponto, porém, o Google melhorou o serviço, incrementando a quantidade de games iniciais para 22. Títulos como Farming Simulator 19, Final Fantasy 15 e Football Manager 2020 são alguns dos destaques.


Google Stadia was unplayable at times. That won't be acceptable for any gamer.


But it's hard to "review" Stadia since it's an ongoing service. It's like reviewing YouTube on its first day.



But if we were to talk about what it is now: It's not good.
https://www.
views/unplayable-times-magical-others-stadias-dream-is-still-clouds/ 

here is my Google Stadia review in one GIF.


this is on The Washington Post's Gigabit Ethernet last week.


9,489 people are talking about this

Será que o PS5 trará de volta um dos utensílios mais icônicos da indústria dos jogos? De forma geral, a marca   PlaySta...



Será que o PS5 trará de volta um dos utensílios mais icônicos da indústria dos jogos?


De forma geral, a marca PlayStation é praticamente um antro destinado a nostalgia – especialmente se tratando de jogos e utensílios antigos. Marcado pelo uso de vários acessórios específicos. talvez o próximo console da Sony traga um item que fez parte de nossas vidas durante muito tempo, mas que sumiu com a evolução tecnológica. Dito isso, talvez o vindouro PS5 esteja acompanhado de um retorno sucinto, que pode arremeter à infância de muitos.
Em suma, uma nova patente registrada pela Sony tem sido alvo de grande especulação nas últimas semanas. O item em questão parece ser uma espécie de cartucho voltado para o armazenamento de dados – indicando que seja um item adicional para o console que está a caminho. Mas recentemente, algumas imagens atualizadas desta nova patente geraram rumores ainda maiores sobre sua finalidade. Por consequência, nos deparamos hoje com um possível retorno do Memory Card, utilizando muitas gerações atrás para armazenar dados dos jogos salvos.

Além do formato ser um tanto parecido com o cartucho que conhecíamos, sua finalidade também levanta suspeitas. Aparentemente o dispositivo em questão estará relacionado ao armazenamento de jogos e outros dados, mas sua conexão não seria derivada de um formato SATA. Logo, especulações das mais diversas tomaram conta do assunto, especialmente se tratando de um possível retorno do Memory Card.
Até onde sabemos, o PS5 pretende trazer uma proposta totalmente cômoda ao jogador, onde tudo garanta que teremos acesso aos jogos com mais facilidade. Desta forma, um Memory Card para armazenar jogos completos seria uma ótima pedida e um baita apelo nostálgico para os fãs.
Mas por enquanto, nos resta apenas aguardar por maiores detalhes a respeito do console.


Fonte: ResetEra

Chegou a hora de conhecer quais são os indicados no The Game Awards 2019, edição deste ano da principal premiação de games do mundo. ...




Chegou a hora de conhecer quais são os indicados no The Game Awards 2019, edição deste ano da principal premiação de games do mundo.

Já são conhecidos os nomeados para os The Game Awards 2019.
Geoff Keighley revelou as listas com os diversos nomeados nas categorias, através das quais as grandes produções na indústria dos videojogos serão premiadas e distinguidas no evento a 12 de Dezembro.
Este é o evento de final do ano onde poderás assistir a diversos anúncios e são esperadas muitas surpresas, mas também é um evento que suscita interesse pela entrega dos prémios.
O prémio de Jogo do Ano será revelado nesta noite e existem diversos lançamentos de alto perfil que serão distinguidos com nomeações, mas apenas um vencerá na sua respectiva categoria.
Na categoria de Jogo do Ano, uma das que mais interesse gera, encontras um claro domínio Japonês e Death Stranding de Hideo Kojima figura ao lado de nomeados como Resident Evil 2 e Super Smash Bros. Ultimate, da Capcom e Nintendo, respectivamente.
Em baixo podes encontrar as listas com as categorias e respectivos nomeados.
Pronto para escolher?
Jogo do Ano
  • Control
  • Death Stranding
  • Super Smash Bros. Ultimate
  • Resident Evil 2
  • Sekiro: Shadows Die Twice
  • The Outer Worlds
Melhor Jogo Ação
  • Apex Legends
  • Astral Chain
  • Call of Duty: Modern Warfare
  • Devil May Cry 5
  • Gears 5
  • Metro Exodus
Melhor Direção
  • Control
  • Death Stranding
  • Resident Evil 2
  • Sekiro: Shadows Die Twice
  • Outer Wilds
Melhor Narrativa
  • A Plague Tale: Innocence
  • Control
  • Death Stranding
  • Disco Elysium
  • The Outer Worlds
Melhor Direção Artística
  • Control
  • Death Stranding
  • Sayonara Wild Hearts
  • The Legend of Zelda: Link's Awakening
  • Sekiro: Shadows Die Twice
  • Gris
Melhor Trilha Sonora
  • Cadence of Hyrule
  • Death Stranding
  • Devil May Cry 5
  • Kingdom Hearts III
  • Sayonara Wild Hearts
Melhor Design Sonoro
  • Call of Duty: Modern Warfare
  • Control (
  • Death Stranding
  • Gears 5
  • Resident Evil 2
  • Sekiro: Shadows Die Twice
Melhor Performance
  • Ashly Burch como Parvati Holcomb, The Outer Worlds
  • Courtney Hope com Jesse Faden, Control
  • Laura Baileyas como Kait Diaz, Gears 5
  • Mads Mikkelsen como Cliff, Death Stranding
  • Matthew Porretta como Dr. Casper Darling, Control
  • Norman Reedus com Sam Porter Bridges, Death Stranding
Melhor Jogo de Ação
  • Apex Legends
  • Astral Chain
  • Call of Duty: Modern Warfare
  • Devil May Cry 5
  • Gears 5
  • Metro Exodus
Melhor Jogo de Ação e Aventura
  • Borderlands 3
  • Control
  • Death Stranding
  • Resident Evil 2
  • The Legend of Zelda: Link's Awakening
  • Sekiro: Shadows Die Twice
Melhor RPG
  • Disco Elysium
  • Final Fantasy XIV
  • Kingdom Hearts III
  • Monster Hunter World: Iceborne
  • The Outer Worlds
Melhor Jogo de luta
  • Dead or Alive 6
  • Jump Force
  • Mortal Kombat 11
  • Samurai Showdown
  • Super Smash Bros. Ultimate
Melhor Jogo para a família
  • Luigi's Mansion 3
  • Ring Fit Adventure
  • Super Mario Maker 2
  • Super Smash Bros. Ultimate
  • Yoshi's Crafted World
Melhor Jogo de Estratégia
  • Age of Wonders: Planetfall
  • Anno 1800
  • Fire Emblem: Three Houses
  • Total War: Three Kingdoms
  • Tropico 6
  • Wargroove
Melhor Jogo Desporto/Corrida
  • Crash Team Racing Nitro-Fueled
  • DiRT Rally 2.0
  • eFootball Pro Evolution Soccer 2020
  • F1 2019
  • FIFA 20
Melhor Jogo Multi-jogador
  • Apex Legends
  • Borderlands 3
  • Call of Duty: Modern Warfare
  • Tetris 99
  • Tom Clancy's The Division 2
Melhor Estreia Indie
  • ZA/UM com Disco Elysium
  • Nomada Studio com Gris
  • DeadToast Entertainment com My Friend Pedro
  • Mobius Digital com Outer Wilds
  • Mega Crit com Slay the Spire
  • House House com Untitled Goose Game
Jogos que Causam Impacto
  • Concrete Genie
  • Gris
  • Kind Words
  • Life is Strange 2
  • Sea of Solitude
Melhor Jogo Vivo
  • Apex Legends
  • Destiny 2
  • Final Fantasy XIV
  • Fortnite
  • Tom Clancy's Rainbow Six Siege
Melhor Jogo Independente
  • Baba Is You
  • Disco Elysium
  • Katana ZERO
  • Outer Wilds
  • Untitled Goose Game
Melhor Jogo Mobile
  • Call of Duty: Mobile
  • GRINDSTONE
  • Sayonara Wild Hearts
  • Sky: Children of Light
  • What the Golf?
Melhor Suporte à Comunidade
  • Apex Legends
  • Destiny 2
  • Final Fantasy XIV
  • Fortnite
  • Tom Clancy's Rainbow Six Siege
Melhor Jogo Realidade Virtual/Aumentada
  • Asgard's Wrath
  • Blood and Truth
  • Beat Saber
  • No Man's Sky
  • Trover Saves the Universe