News

Final Fantasy XV já vendeu 5 milhões de cópias, revela Square Enix

A Square Enix revelou hoje os primeiros números de vendas de Final Fantasy XV e eles são surpreendentes. De acordo com a publisher, desde o...

A Square Enix revelou hoje os primeiros números de vendas de Final Fantasy XV e eles são surpreendentes. De acordo com a publisher, desde o lançamento ocorrido há dois dias, foram vendidas 5 milhões de cópias da aventura de Noctis.



O número computa as cópias digitais e físicas para PlayStation 4 e Xbox One.

A Square explica ainda que FF XV é o jogo que atingiu a marca mais rapidamente em toda história da franquia. Em lugares como Japão, as cópias digitais tiveram grande alta, enquanto no restante da Ásia, as físicas se destacaram.

Mesmo se tratando de um título da franquia Final Fantasy, os número surpreendem pelo volume e ele tendem a aumentar conforme os meses, já que a empresa tem um cronograma agressivo de DLCs planejados, o que pode incrementar ainda mais o interesse.

Final Fantasy XV foi lançado na última terça-feira e desde então muitos (muitos mesmo) vem experimentando o título que levou 10 anos para ficar pronto.

De maneira geral, a recepção está sendo bastante positiva tanto pelos jogadores, como pela crítica especializada.


Sobre

Final Fantasy XV é uma fantasia baseada na realidade. Escapando em meio as chamas de uma guerra, Noctis, o príncipe herdeiro do Reino de Lucis, embarca em uma jornada com seus melhores amigos através de um mundo com bestas enormes, maravilhas incríveis, dungeons perigosas na esperança de reunir forças necessárias para voltar a sua terra natal e reclamar seu trono por direito.


9 comentários:

  1. Eu sabia que ao menos passaríamos de 10 milhões!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Se desde as pré-vendas até a 1ª semana do lançamento o game ja superou a marca dos 5 milhões de unidades vendidas, não duvido que até as festas de fim de ano FF XV supere a marca dos mais de 20 milhões isso contando apenas os gamers que ja possuem o PS4 e X1 e irão comprá-los ainda este ano.
      Ainda há os fãs que migraram para o PC que podem retornar aos consoles apenas para curtir o FF XV, e segundo relatos de vários jogadores de PC que conheço no FFXIV, a razão deles terem migrado do PS3 para o PC é pela frustração com o cancelamento do Versus XIII e o Deja vu do FF XV no PS4 e X1 que era uma incógnita até as 23:59 hrs da última 2ª feira. E uma gigantesca massa de fãs de FF estão no PC jogando o MMO FFXIV, então não tenho dúvidas que até o fim do 1° semestre de 2017 a quantidade de unidades vendidas do Final Fantasy XV podem superar marcas históricas de vendas.
      Há de se ressaltar que na era do PSOne FFVII ao IX venderam mais de 1 milhão de unidades na primeira semana. O cenário é excelente para o XV e a SE realmente voltou a ser o que era.

      Excluir
  2. Tive a sensação que o Alexandre fosse retornar ao antigo Blog com a Neiva para postar as notícias do FF XV, agora que o outro Blog voltou a ativa. Pena que lá só da pra comentar logado e não curto esta de ter que criar conta para postar comentários.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Notei que aquele Blog voltou a ativa e é bom que ao menos alguém se preocupe em postar informações detalhadas de alguns games famosos pois é raro ver blogueiros ou youtubers se focarem em apenas um game.
      Desde 2010 frequento aquele Blog e foi lá que conheci o Alex, o XJuliano, esdras(que anda desaparecido há um bom tempo), e muitos outros leitores. Já me envolvi em brigas com o pessoal e também tive boas discussões.
      Apesar de ter uma conta no Disque, não sinto necessidade de trocar idéias com o pessoal no outro blog pois não me dou muito bem com a blogueira, que nem quero falar o nome por não ver a necessidade. Não suporto o lema "minha opinião é lei", independente do que você poste é preciso saber lidar com aqueles que se opõem a sua maneira de pensar e não é o caso dela, brigas ja tive várias com ela e até os meus antigos comentários ela deletou, não gosto quando uma pessoa leva para o lado pessoal uma simples divergência de opiniões e inicia uma guerra. Óbvio que na época que tudo isso ocorreu a razão maior de todas as discussões era Final Fantasy Versus XIII e o infame MMO FFXIV. Apesar de tudo o blog dela é referência em Final Fantasy e alguns outros jogose não estou aqui para desmoralizar o trabalho dela. Houve uma época que o Alex pediu minha ajuda para trabalhar no Blog mas recusei por estar muito ocupado em minha vida pessoal, porém se hoje ele me oferecer uma outra chance não recusarei.
      Nos últimos meses venho apoiando amigos gringos que fazem vídeos para o twitchtv e youtube, penso até em criar um canal com detonados, dicas e segredos de meus games prediletos e compartilhar minha experiência com o pessoal.
      Hoje ter uma conta no Blogger, Facebook, Twitchtv ou Youtube e no Twitter são essenciais para popularizar os seus trabalhos.

      Excluir
    2. Não volto aquela merda, fez o tal boicote dizendo que não iria comprar mais nenhum FF se o versus fosse cancelado gerando o maior alvoroço naquele blog depois fala um monte de merda do FFXIV e passa a jogá-lo, por dicas etc. To fora daquele blog que a pessoa é uma "criança mimada" que esperneia e bate boca quando alguém vai contra a opinião dela, fala muita merda de alguns games mas logo depois os joga. Esse disturbio Bi-polar desta mulher é o que mais desprezo nas atitudes que ela teve nos ultimos 6 anos. E ainda lembro que ela vinha aqui bater boca com o pessoal como se estivesse no direito de fazê-lo.

      Excluir
    3. Foda-se o Boicote de 2013, as grandes desvantagens do FFXIV são a mensalidade cara de US$14,99 por mês e não US$12,99, o que é uma facada até mesmo para os Norte americanos e Europeus, a péssima comunidade que mais se preocupa em trollar e falar desaforos para os companheiros de equipe do que jogar o game corretamente como um time, fora que é uma dor de cabeça formar grupos para End game Raids.
      Experiência própria de 2 anos de jogo no FFXIV desde o patch 2.4 até o atual patch 3.4, estou para aposentar o MMO de vez em 2 meses para me focar só em games que sempre babava para jogar e não podia por conta deste maldito game, apenas me dei ao trabalho de platiná-lo ja que fiz questão de comprá-lo e como ja adquiri a platina meses atrás so jogo por uma inexistente "diversão" que mais se torna em stress por conta do grande número de imbecis que há neste MMO. Portando EU NÃO RECOMENDO NINGUÉM TENTAR O FINAL FANTASY XIV POIS NÃO VALE O SEU DINHEIRO, NEM O ESFORÇO, VOCÊ DIFICILMENTE FARÁ AMIZADES NESTE JOGO DE PESSOAS TOTALMENTE EGOÍSTAS E ELITISTAS. O Fox parou de jogar após nós completarmos a A12S e disse que não tem intenção de retornar para o Stormblood e agora só se ocupa em jogar FFXV e outros games que há tanto ele também queria jogar e não podia. A blogueira havia testado o beta e não sei, mas deve ter jogado um pouco o FFXIV ou ainda joga mas isto é problema dela, há games que se mantem na casualidade não se preocupando com as end game Raids, cada jogador escolhe o seu modo de se entreter neste MMO que pra mim é um fail game com a pior comunidade do mundo. Todas as minhas jobs estão no lvl 60 as jobs DOW e DOM todas com gear de i250 e os meus healers com gear de i260+ enquanto os meus crafters e gatherers estão no i190 com overmelds. Eu poderia parar de jogar agora e esperar pelo Stormblood que não ficarei pra trás mas não me preocupo em voltar ao jogo por não gostar dos elitistas deste jogo.
      Quanto ao Versus XIII se fosse lançado no PS3 teria sido o maior fiasco e a SE estaria na beira da falência, foi bom eles terem adiado e reenumerado o game para FFXV o game esta muito melhor e polido, o mundo todo esta jogando, não é você vindo aqui tacar pedras em alguém que nem esta aqui para se defender que irá conseguir fazer com que nós paremos jogá-lo, o game foi portado para o PS4 o que me deu raiva e tudo bem que o PS3 foi a pior geração em termos de RPG da história dos video-games mas ao menos pude jogar dois grandes games que fizeram história Dragon's Dogma e The Elder Scrolls: Skyrim. Os tempos mudam se você quer manter-se firme no boicote vá em frente e só.
      Agora ja expliquei algo que não gosto na pessoa do outro blog e outra coisa que me faz evitar frequentar aquele lugar são os spoilers que não tenho dúvidas que ela utiliza outro daqueles mesmos guias que ela usou para detonar o XIII e suas sequências o que não me agrada nem um pouco, sou do um old school gamer gosto de descobrir sozinho os segredos dos meus games quem usa guia não esta realmente aproveitando ao máximo a experiência de jogo e sim jogando dinheiro fora. Acho correto o uso de guias quando você ja não sabe mais o que desbloquear no game após várias horas de jogo ou quando tem dificuldades para completar determinadas missões.
      Prefiro me manter neste blog apenas lendo notícias que o Alexandre nos trás e vez em outra dialogar com o pessoal ou trocar informações úteis. Acho esta a melhor maneira de compartilhar a minha experiência de jogo e idéias com o pessoal. Mesmo que algumas vezes eu acabe tarando as leitoras deliciosas que frequentam este Blog rsrs

      Excluir
  3. Nossa tadinha da Neiva, ela tem a opinião dela vocês devem respeitar, eu gosto muito daqui, porque temos assuntos variados, lá eu frequentava um forúm antes junto com o Ale, e vi a sacanagem que fizeram com ele lá. Depois disso a Neiva convidou ele para postar no blog dela, depois disso o Ale, abriu esse daqui a quem acompanho alguns anos já. Já considero vocês minha segunda Família. Estou também muito ocupada e próximo ano quem sabe volto a postar as coisas aqui ajudando o Ale. O Final Fantasy está gostoso de jogar, mas o The Last Guardian me deixou apaixonada. Que jogão!

    ResponderExcluir
  4. O jogo não é o melhor, mas finalmente está terminado e pra mim está muito satisfatório, estou com 60 horas e agora vou me concentrar em fazer todas as quests, lá pelas 80 horas devo estar perto de finalizar tudo restando encontrar todos os itens disponíveis, só depois que vou enfrentar a adamantoise, me parece uma batalha chata e repetitiva que vou adiar o máximo que puder.
    Fico contente com o produto final, e espero que este peso de jogo que só gerou hype em cima de promessas enquanto não conseguiriam nunca chegar ao final, gerou uma bela engine a aprendizagem aos envolvidos que agora, poderão como uma equipe trabalhar em um novo projeto Final Fantasy XVI de forma mais coerente sem passar por tantas dificuldades na produção, acredito que estão no caminho certo, só restam ajustes.

    Espero também que a comunidade demonstre descontentamento com um problema real e menos dramático, o uso de DLC para explicar a história, nunca na história de um final fantasy eu precisei pagar para conhecer á fundo minha party, veja, eu nunca precisei pagar para conhecer a juventude de barret, nunca paguei para saber quem é zack, nunca paguei para conhecer a infância de tifa, nunca paguei para conhecer a cidade natal de yuffie, nunca paguei para visitar cosmo canyon, deveriam ser DLC's gratuitas, cobrar por isso é ridículo, caparam o enredo principal propositalmente para vender depois mas esqueceram que são parte fundamental da história.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A comunidade só fala destas 3 DLCs referente a história dos 3 guardiões e do co-op mode e se esquecem que há grande possibilidade de iniciarem a venda de DLCs de novas vestimentas para o grupo. Como há a opção de selecionar os trajes, na certa a SE não deixará uma oportunidade destas passar em branco, assim como vender mais mods para customizar o Chocobo e a Regalia. Apesar de incerto, não descarto a hipótese deste tipo abusivo de DLC ser lançado mais pra frente.

      Excluir

Nos deixe saber sua opinião...