News

Foi preciso apenas uma pessoa para adaptar Forza 6 ao Xbox Scorpio

A Project Scorpio promete mudar muitas coisas na indústria. O console mais potente de sempre oferecerá, graças à sua capacidade de desempen...

A Project Scorpio promete mudar muitas coisas na indústria. O console mais potente de sempre oferecerá, graças à sua capacidade de desempenho, melhorias gráficas em vários jogos. Agora a Turn10, criadores de Forza MotorSport, partilharam ao Gamasutra as suas opiniões sobre esta novo console.



A CPU e GPU, em conjunto com um aumento da memória RAM, oferecerão aos produtores as ferramentas necessárias para adaptar e portar os seus videojogos a resoluções e rácio de fotogramas por segundo mais altos. A Microsoft já tinha referido o quão importante é oferecer um ambiente confortável aos programadores e estúdios, e a Turn10, que testou a consola numa fase mais preliminar, é uma amostra disso.

"Matt Lee, da equipe do Direct3D no Xbox, apresentou-nos uma caixa cheia de coisas," comentou Chris Tector, arquitecto de software na Turn10. "Era como uma motherboard sem nada, com adaptadores, drives... e foi tudo conectado numa mesa. Não havia sequer uma refrigeração, só um ventilador simples. Saía vento por todos os lados, vibrava e foi tudo abaixo porque a memória aquecia... foi uma comédia. Mas em menos de dois dias, tínhamos o jogo a funcionar a 4K e a 60 fps com uma única pessoa dedicada a isso".

A Project Scorpio contará com um novo chip desenhado numa colaboração entre a Microsoft e a AMD. O console apresenta um processador de 8 núcleos x86 a 2.3GHz, 12GB de memória RAM GDDR5, GPU personalizada, uma memória com largura de banda de 326GB por segundo, disco de 1TB e leitor 4K UHD Blu-Ray.

O console será apresentada com toda a pompa e circunstância na E3 2017.

0 comentários:

Nos deixe saber sua opinião...