News

Erica revelado para a PlayStation 4

Entre as novidades reveladas pela Sony durante a sua conferência Paris Games Week esteve Erica, um novo jogo preparado para todos os que já...

Entre as novidades reveladas pela Sony durante a sua conferência Paris Games Week esteve Erica, um novo jogo preparado para todos os que já se deixaram entregar às experiências PlayLink.

Erica é um jogo FMV que nos conta a história de uma jovem mulher com muitos mistérios no seu passado. Quando esses mistérios regressam e viram a sua vida do avesso, terás de a ajudar a solucionar um quebra-cabeças escondido nas suas memórias.
Desenhado como uma experiência cinematográfica, Erica vai promover a interacção entre os jogadores através das suas escolhas e consequências.



















Erica foi pensado como um filme de Hollywood durante o qual farás mais do que assistir, vais interagir com o jogo e ajudar a moldar o seu rumo, servindo até como uma espécie de experiência social.
Por enquanto, Erica permanece sem data de lançamento.

0 comentários:

Nos deixe saber sua opinião...

THE LAST OF US PART II GANHA NOVO E BRUTAL TRAILER

A conferência da PlayStation na Paris Game Week 2017 terminou com um novo trailer de The Last of Us Part II, apresentando personagens i...


A conferência da PlayStation na Paris Game Week 2017 terminou com um novo trailer de The Last of Us Part II, apresentando personagens inéditos em uma cena brutal.
Assista abaixo:
Ainda sem lançamento definido, embora seja possível especular que o game chegará depois de 2019, The Last of Us Part II é exclusivo do PlayStation 4.

1 comentários:

Nos deixe saber sua opinião...

Novo trailer de Detroit: Become Human

A Quantic Dream não podia passar ao lado da Paris Games Week e esteve presente na conferência da Sony para revelar um novo trailer do seu...

A Quantic Dream não podia passar ao lado da Paris Games Week e esteve presente na conferência da Sony para revelar um novo trailer do seu próximo jogo.

Detroit: Become Human é o nome desse jogo, que explorará a essência humana numa aventura gráfica onde as tuas escolhas afetam o desenrolar dos eventos. Além dos gráficos de espantar, o novo trailer mostra mais gameplay e reforça a personalidade do jogo.










Detroit: Become Human está agendado para um vago 2018.

0 comentários:

Nos deixe saber sua opinião...

Concrete Genie anunciado para a PS4

Entre as várias novidades preparadas pela SIE para a conferência Paris Games Week está Concrete Genie, um novo jogo cujos visuais vão certa...

Entre as várias novidades preparadas pela SIE para a conferência Paris Games Week está Concrete Genie, um novo jogo cujos visuais vão certamente deixar vários jogadores rendidos.

A aposta numa aventura com um gameplay muito singular combinado com visuais que te vão surpreender, promete tornar Concrete Genie num dos jogos mais desejados para a PlayStation 4 em 2018.
O trailer de revelação pode ser visto em baixo e vai-te surpreender.










Concrete Genie está agendado para 2018.

0 comentários:

Nos deixe saber sua opinião...

Aloy estará em Monster Hunter World

A Capcom levou Monster Hunter World até Paris e durante a conferência da Sony tivemos a revelação de um novo trailer gameplay, acompanhado ...

A Capcom levou Monster Hunter World até Paris e durante a conferência da Sony tivemos a revelação de um novo trailer gameplay, acompanhado por uma revelação entusiasmante para quem jogar na PS4.

Segundo revelado, quem jogar a versão PlayStation 4 de Monster Hunter World, terá a oportunidade para jogar com Aloy, a caçadora que protagoniza Horizon Zero Dawn da Guerrilla Games.
Se quiseres ver Aloy em Monster Hunter World e novo gameplay, não percas o vídeo em baixo:










Monster Hunter World será lançado a 18 de Janeiro na Xbox One, PC e PS4.

0 comentários:

Nos deixe saber sua opinião...

Spider-Man ganha trailer da Paris Games Week

A Paris Games Week já começou com a conferência da Sony e a Insomniac Games esteve presente para apresentar mais gameplay sobre o aguardado...

A Paris Games Week já começou com a conferência da Sony e a Insomniac Games esteve presente para apresentar mais gameplay sobre o aguardado Spider-Man para a PlayStation 4.

Neste novo olhar ao aguardado exclusivo Sony, a Insomniac revelou novos segmentos de história, que apresentaram Miles Morales ao lado de Peter Parker, nesta história que será totalmente original.










Apesar do trailer na Paris Games Week, Spider-Man continua sem data de lançamento concreta.

0 comentários:

Nos deixe saber sua opinião...

God of War recebe épico trailer PGW

A SIE Europe e a Sony Santa Monica uniram-se para apresentar mais um pedaço de gameplay do aguardado God of War, que chegará em exclusivo à...

A SIE Europe e a Sony Santa Monica uniram-se para apresentar mais um pedaço de gameplay do aguardado God of War, que chegará em exclusivo à PlayStation 4 algures em 2018.

Na conferência Paris Games Week, a Sony revelou um novo momento épico com Kratos e Atreus, onde podes ver combates e exploração, sem esquecer os gráficos fantásticos.










Apesar desta gloriosa amostra de God of War, o jogo continua previsto para "início de 2018".

0 comentários:

Nos deixe saber sua opinião...

Ghost Of Tsushima da Sucker Punch anunciado

Por breves momentos, muitos acreditaram que a Capcom havia ressuscitado Onimusha para o revelar na conferência da Sony na Paris Games Week,...

Por breves momentos, muitos acreditaram que a Capcom havia ressuscitado Onimusha para o revelar na conferência da Sony na Paris Games Week, mas não.

O jogo que abriu a conferência da Sony foi Ghost Of Tsushima, a nova propriedade intelectual da Sucker Punch, que depois de inFAMOUS Second Son está de volta com um novo jogo PlayStation 4.
O trailer de revelação, que te transporta para o Japão Feudal, revela que terás combates intensos e visuais de espantar em diferentes locais do Japão. É um promissor olhar ao novo jogo que podes ver em baixo.










Ghost Of Tsushima não teve direito a qualquer previsão de lançamento.

0 comentários:

Nos deixe saber sua opinião...

Paris Games Week - Conferencia da Sony Ao Vivo as 13h Horário de Verão

Para quem acha que 2017 já está acabando e não teremos mais novidades até o ano que vem, a Sony trouxe uma boa notícia nesta sexta-feir...



Para quem acha que 2017 já está acabando e não teremos mais novidades até o ano que vem, a Sony trouxe uma boa notícia nesta sexta-feira (27): a companhia prometeu que anunciará sete novos jogos durante a Paris Games Week. Acompanhem ao Vivo a Parti das 13h Horário de Brasilia, 12h horário aqui do Nordeste o que a Sony tem a oferecer de novidade aos milhares de fãs espalhados pelo globo. 


0 comentários:

Nos deixe saber sua opinião...

Michael Pachter já tem o seu Xbox One X

Enquanto muitos esperam pelo dia 7 de Novembro, alguns já começaram a receber a sua Xbox One X, obtendo acesso à console mais poderoso de t...

Enquanto muitos esperam pelo dia 7 de Novembro, alguns já começaram a receber a sua Xbox One X, obtendo acesso à console mais poderoso de todos os tempos que a Microsoft preparou.

Um desses sortudos é Michael Pachter, famoso analista que frequentemente partilha a sua opinião. Pachter partilhou nas redes sociais algumas imagens de uma encomenda surpresa que recebeu, uma Xbox One X.
Pachter recebeu uma edição normal da Xbox One X, mas ainda não está pronto para começar a jogar a 4K nativa os seus jogos favoritos. Segundo diz, ainda lhe falta comprar uma TV 4K.

Para os comuns dos mortais, a Xbox One X estará disponível no dia 7 de Novembro e custará 499.99€.

0 comentários:

Nos deixe saber sua opinião...

Sony anunciará 7 novos jogos na PGW

A Sony Interactive Entertainment anunciou que Media Showcase na Paris Games Week 2017 apresentará um "olhar exclusivo à nova vaga de g...

A Sony Interactive Entertainment anunciou que Media Showcase na Paris Games Week 2017 apresentará um "olhar exclusivo à nova vaga de grandes lançamentos PlayStation".



No dia 30 de Outubro, às 17 horas de Portugal continental, 13 horas em Brasília, poderás assistir à conferência em direto. Uma hora antes, poderás assistir a uma transmissão que apresentará 21 jogos. Entre esses 21 jogos estarão 7 novidades para a PlayStation 4 e PlayStation VR.

A Sony diz que "a E3 foi apenas metade da história", sugerindo que a PGW trará grandes novidades sobre os mais aguardados jogos da companhia.

A conferência será transmitida para todo o mundo e daqui a alguns dias estaremos de volta com mais novidades. A Centr@l estará de olho na Paris Games Week para acompanhar as novidades em primeira mão.

0 comentários:

Nos deixe saber sua opinião...

Digital Foundry faz unboxing com o Xbox One X

Enquanto o resto do mundo aguarda pacientemente por 7 de Novembro para ir buscar a Xbox One às lojas, o Digital Foundry já recebeu a sua, t...

Enquanto o resto do mundo aguarda pacientemente por 7 de Novembro para ir buscar a Xbox One às lojas, o Digital Foundry já recebeu a sua, tendo o privilégio de ser um dos primeiros meios a fazer o unboxing do poderoso console da Microsoft.

Para além de poderes ver o console saindo da caixa, o Digital Foundry aproveitou a ocasião para fazer uma comparação de tamanho com o Xbox One S e PlayStation 4 Pro. Apesar de ser o console mais poderoso já feito, o Xbox One X é o menor console  feito pela Microsoft.











0 comentários:

Nos deixe saber sua opinião...

Analise: THE EVIL WITHIN 2

The Evil Within 2 marca o retorno de uma das sagas de terror que mais recebeu elogios na geração atual e passada. O jogo da Bethesda tem pr...

The Evil Within 2 marca o retorno de uma das sagas de terror que mais recebeu elogios na geração atual e passada. O jogo da Bethesda tem produção de Shinji Mikami, um dos diretores do Resident Evil original, e saiu para PS4, Xbox One e PC. Ele continua alguns dos fatos da primeira aventura, apresentando novas criaturas, horrores inéditos e muito mais sustos. Apesar de tudo, não há tanto destaque quanto na versão anterior, seja pela eventual “falta de novidades” ou em comparação a outros títulos do gênero. Leia nossa análise completa para saber mais a respeito:

De volta ao STEM

The Evil Within 2 começa três anos após os fatos do anterior. Neste cenário temos Sebastian, o sobrevivente da aventura original, que agora é procurado pela agência Mobius para salvar sua filha. Mas algo está errado: Lily, a filha do policial, foi dada como morta há muitos anos graças a um incêndio em sua casa. O que terá ocorrido e o que a Mobius sabe, de fato, sobre o que aconteceu por lá?

Sebastian é confrontado pela verdade de que Lily ainda está viva e mantida pela agência misteriosa como a principal hospedeira do mundo gerado por STEM, Union. De acordo com os criadores, sua mente pura, infantil, era a única capaz de segurar o experimento, abrigando tantas almas quanto possível ao mesmo tempo. Ainda que contrariado, o policial é convencido a entrar novamente neste ambiente aterrador para salvar sua filha e também resgatar agentes perdidos da Mobius.



Desta forma, sem se preocupar muito em explicar os acontecimentos passados a jogadores novatos, The Evil Within 2 começa. Na verdade, o game parece ter sido criado exclusivamente para os fãs do primeiro, já que nem mesmo um pequeno resumo te deixa a par do que ocorreu antes. Contudo, com um mínimo de raciocínio lógico, você consegue entender a situação básica em que Sebastian se meteu: uma missão que não desejava e um retorno doloroso a uma realidade que estava já abandonada.

Isso por conta da simplicidade que a história de The Evil Within 2 é passada – simples até demais, diríamos. Sua introdução não dura mais do que cinco minutos antes de começarmos a, de fato, jogar e controlar Sebastian pelos cenários. O que importa de verdade na aventura, além de seu enredo, é a campanha repleta de novos sustos, monstros escabrosos e um ou outro sistema inédito, que faz valer a experiência

Jogabilidade sem muitas novidades

As inspirações de The Evil Within 2 continuam claras como a neve. Trata-se de um misto de Resident Evil com Silent Hill, trazendo ainda pitadas de alguns jogos de terror mais modernos. A jogabilidade, toda em terceira pessoa, reforça este tipo de comparação. Também pudera, com Shinji Mikami agora no cargo de produtor, ele pode ter tido uma maior liberdade para usar alguns de seus trabalhos passados – e isso não é algo ruim. Toda a combinação de jogabilidade com o clima de horror faz muito bem à aventura, ainda que traga pouca coisa inédita.



Há pontos positivos, como por exemplo o novo sistema de criação e melhoria de armas. Agora, em vez de simplesmente gastar pontos, você deve utilizar restos de itens encontrados ao longo do jogo para incrementar seu equipamento – ou criar armamento inédito. Só isso já traz toda uma nova dinâmica a The Evil Within 2, que acompanha ainda o clima de dificuldade comum de títulos de horror e mantém os elementos coletáveis escassos, como por exemplo munições.

É possível realizar criações em qualquer local do STEM, mas é muito melhor fazer isso em bancadas preparadas com tal objetivo. Assim, o game te dá o recado de que você precisa não apenas aprender a sobreviver, mas também segurar a vontade de sair criando a todo o momento, já que é preciso economizar materiais para usar no futuro, assim que encontrar um local mais adequado para isso.



Comumente ignorado por jogadores que não têm tanta paciência para ficar criando e testando possibilidades, o sistema de criação em The Evil Within 2 é diferente do que é visto em títulos que utilizam o mesmo recurso. As armas e equipamentos já estão no menu e mostram apenas pré-requisitos para serem ativados e desenvolvidos em tempo real. É uma boa maneira de simplificar e, ao mesmo tempo, tornar tudo mais interessante

Combates fracos

Interessante, porém, é uma palavra que passa longe de outro ponto importante na jogabilidade de The Evil Within 2: os combates. As lutas contra os chefões, em particular, não são tão boas e não exigem qualquer esforço extra do jogador a não ser “corra, atira, se esconda, repita”. Esqueça os quebra-cabeças para matar inimigos ameaçadores e apenas economize munição para a próxima grande batalha. Em se tratando de um game deste tipo, é desanimador que algo assim ocorra.

A mesma coisa se repete com inimigos comuns, que não têm o mesmo impacto do que foi visto no primeiro The Evil Within – ou até mesmo em outros games do mesmo gênero. Ainda que o combate não seja exatamente o foco deste tipo de experiência (e sim o horror e a sensação de perseguição sempre), devemos lembrar que ainda se trata de um videogame, e a diversão neste sentido também mora em lutar contra inimigos – geralmente – mais fortes do que você.

Já os sustos...

Por outro lado, The Evil Within 2 faz um bom serviço ao te assustar. O jogo está muito mais voltado para o horror do que o primeiro, que já era bem “tenso”, com cenas dignas de te fazer levantar da cadeira, dar um passeio dentro da própria casa e acender algumas luzes. Não estamos falando apenas sobre aparições de monstros: a montagem, o ambiente, a escuridão e os sons já fazem bem este trabalho, sem nem mesmo uma criatura aparecer antes.

Todo o mérito dos sustos de The Evil Within 2 está na sua ambientação acertada. Há muitos detalhes pelos cenários que apresentam esse clima de horror bem fluente. Um susto bem feito é um susto bem construído e a produção do game está ciente disso, graças ao clima que somos envolvidos a cada nova sala descoberta ou a cada novo cenário aberto na cidade de “Union”. Os gráficos em alto nível também te permitem ser ainda mais envolvido com esse tipo de trabalho.

O visual ajuda

Como citamos logo acima, o trabalho visual em The Evil Within 2 está muito acima do primeiro. Há um grande cuidado em todos os aspectos, principalmente nos personagens, que estão muito bonitos, mesmo no sentido atrativo da coisa. Isso também se reflete nas localidades, escuras na medida certa e trabalhando com cores de forma que monte o clima adequadamente.

O trabalho de dublagem em português faz com que o jogador possa se concentrar melhor nas cenas e ambientes de The Evil Within 2, já que não é preciso ler legendas ou se preocupar com outro idioma. A parte sonora está boa e a música casa perfeitamente com o que é preciso para ter o tom certo do horror que todo o jogo apresenta.

Conclusão

The Evil Within 2 é uma produção de alto nível, mas que não traz tantos elementos inéditos para a mesa, o que pode fazer com que ele não chame a atenção em um mercado cada vez mais competitivo. O título deixa claro que foi feito principalmente para quem aproveitou o primeiro e gostou da aventura original. Além disso, os combates não são tão inspirados quanto deveriam e podem desanimar quem aguardava algo mais épico ou desafiador. Os gráficos e trilha sonora compensam, contudo, e a incrível atmosfera de horror bem construída faz deste game um destaque do gênero.

Nota 8,0

PRÓS

  • Clima de horror bem construído;
  • Gráficos de alto nível;
  • Novos elementos de criação de armas e equipamentos;
  • O jogo dá boa continuidade ao primeiro

CONTRAS

  • Batalhas fracas
  • Sem grande desafio do primeiro jogo;
  • História sem destaque.

0 comentários:

Nos deixe saber sua opinião...

Final Fantasy 12: The Zodiac Age envia 1 milhão para as lojas

Final Fantasy XII: The Zodiac Age é um remaster que chegou à PlayStation 4 em Julho deste ano, satisfazendo o pedido de imensos fãs que que...

Final Fantasy XII: The Zodiac Age é um remaster que chegou à PlayStation 4 em Julho deste ano, satisfazendo o pedido de imensos fãs que queriam jogar novamente esta entrada na série.

A Square Enix consentiu e após três meses, celebra 1 milhão de unidades nas lojas. Este número resulta das cópias físicas enviadas para as lojas em todo o mundo e as vendas digitais.
Para celebrar o momento, a Square Enix apresentou uma nova versão do trailer do jogo, que podes ver em baixo.










Final Fantasy XII: The Zodiac Age é uma brilhante entrada na série da Square Enix e um grande momento na história dos JRPGs.

1 comentários:

Nos deixe saber sua opinião...

Novo gameplay de Dissidia NT

A Square Enix e a Team Ninja da Koei Tecmo juntaram-se para uma apresentação especial de Dissidia Final Fantasy NT, que estão a preparar pa...

A Square Enix e a Team Ninja da Koei Tecmo juntaram-se para uma apresentação especial de Dissidia Final Fantasy NT, que estão a preparar para o PlayStation 4.

Depois das arcades Japonesas, Dissidia Final Fantasy NT chegará ao console da Sony para apresentar épicas batalhas 3 vs. 3 com alguns dos mais conhecidos personagens da série Final Fantasy.
Para revelar mais da versão caseira e como está a correr o desenvolvimento, a transmissão em directo da Square Enix revela mais gameplay e algumas cutscenes com a história do jogo.










Dissidia Final Fantasy NT chegará a 30 de Janeiro.

0 comentários:

Nos deixe saber sua opinião...

Metal Gear Survive ganha data de lançamento

A Konami anunciou a data de lançamento para Metal Gear Survive. Na Europa estará disponível a 22 de Fevereiro e terá um "Survival Pack...

A Konami anunciou a data de lançamento para Metal Gear Survive. Na Europa estará disponível a 22 de Fevereiro e terá um "Survival Pack" para aqueles que reservarem a sua cópia antes de chegar às lojas.

O pacote de sobrevivência inclui quatro armas douradas, dois gestos, quatro cachecóis, uma pintura facial, o acessório "Boxman" e a placa de identificação "Mother Base".
Metal Gear Survive é o primeiro jogo da série a ser lançado depois da saída de Hideo Kojima da Konami. Cronologicamente, decorre entre Ground Zeroes e The Phantom Pain, mas trata-se de um spinoff.
O jogo decorre em mundo aberto e o objectivo é sobreviver. O foco está no modo cooperativo, sendo possível completar missões com três jogadores. Também poderás completar as missões com companheiros controlados pela inteligência artificial.
Bónus para as reservas
Capa de Metal Gear Survive
metal gear survive cover

0 comentários:

Nos deixe saber sua opinião...

Super Mario e Assassin's Creed estão nos lançamentos da semana

pós muita expectativa, Super Mario Odyssey finalmente chega ao Nintendo Switch, prometendo ser uma nova versão da série do famoso personage...

pós muita expectativa, Super Mario Odyssey finalmente chega ao Nintendo Switch, prometendo ser uma nova versão da série do famoso personagem, novamente com plataformas e jogabilidade 3D – lembrando o clássico Super Mario 64. Além dele, títulos como Assassin's Creed Origins e Just Dance 2018, ambos multiplataforma, além da versão para computadores de Destiny 2, chegando um pouco atrasada, mais de um mês após a edição consoles ser lançada no mercado. Confira todos os destaques:
Super Mario Odyssey promete ser um dos melhores jogos da franquia

Super Mario Odyssey - Switch - 27 de outubro

Super Mario Odyssey vem para mostrar aos donos do Switch que o console é o local certo para uma nova aventura do famoso encanador da Nintendo. O jogo promete se passar em cenários mais realistas e trazer o personagem com uma habilidade inédita: a possibilidade de possuir outros seres com seu chapéu mágico.



Assim como em jogos passados, Super Mario Odyssey traz aventuras com plataformas e jogabilidade no mundo 3D. O título deve ser o maior já feito com o herói e promete ter muitos segredos destrancáveis. Ele é exclusivo do Switch e é o primeiro “game principal” da marca desde Super Mario 3D World.

Assassin's Creed Origins - PS4, Xbox One - 27 de outubro

Após muitos anos, a série Assassin's Creed retorna com o inédito Assassin's Creed Origins. Agora a aventura se passa no Egito antigo e um novo protagonista, Bayek, toma conta. Novamente veremos informações sobre a origem dos assassinos e mais sobre momentos históricos.

Assassin's Creed Origins terá muitos elementos inéditos na jogabilidade. Um deles é a visão de águia, que agora te permite realmente controlar uma águia pelo cenário e vigiar inimigos ou descobrir segredos. O game também roda com os melhores gráficos da série, compatíveis com os consoles atuais.

Wolfenstein II: The New Colossus - PS4, Xbox One - 27 de outubro

Wolfenstein II: The New Colossus continua a série Wolfenstein de forma caprichada, com mais uma aventura de tiro em primeira pessoa, que agora coloca o jogador em um passado alternativo, onde os nazistas ganharam a Segunda Guerra Mundial e dominaram o mundo.

Neste cenário o jogador controla um dos últimos soldados da resistência, que tem como principal tarefa lidar com a ameaça nazistas, incluindo versões robóticas de soldados – até mesmo em versões gigantes.

Just Dance 2018 - PS4, Xbox One, PS3, Xbox 360, Switch, Wii, Wii U, PC - 24 de outubro

Como todo ano, Just Dance ganha uma nova edição e com Just Dance 2018 não foi diferente. Até mesmo no Wii, o título da Ubisoft foi lançado com, principalmente, novidades no setlist, além de outros modos de jogo.

A trilha sonora deste ano inclui sucessos atualizados e outros hits do passado, entre eles: Another One Bites the Dust (Queen), 24k Magic (Bruno Mars), Blow Your Mind (Dua Lipa) Blue (Eiffel 65), Fight Club (Lights), Footloose (Kenny Loggins), John Wayne (Lady Gaga), New Face (Psy), Naughty Girl (Beyonce) e Waka Waa (Shakira), entre outros.

Destiny 2 - PC - 23 de outubro

Depois de muito atraso, Destiny 2 finalmente desembarca no PC. Esta edição é virtualmente igual à que saiu nos consoles, mas com várias melhorias gráficas, entre elas os gráficos em resolução maior e imagem rodando a 60 quadros por segundo, garantindo mais suavidade.

Em Destiny 2 o jogador continua seu papel como Guardião, um ser poderoso que é alimentado pela Luz do Viajante e pode realizar feitos sobre-humanos com ela. É neste cenário que surge a Legião Vermelha, nova ameaça que planeja tomar a Luz de todos. A campanha de Destiny 2 conta a batalha contra a Legião, mas há ainda componentes multiplayer coop e competitivos.

0 comentários:

Nos deixe saber sua opinião...