News

Mais de 10 milhões de vendas para Horizon: Zero Dawn

Foi há precisamente dois anos que Horizon: Zero Dawn foi lançado. Desde então, a nova propriedade intelectual da Guerrilla Games, os cr...

Foi há precisamente dois anos que Horizon: Zero Dawn foi lançado.

Desde então, a nova propriedade intelectual da Guerrilla Games, os criadores da saga Killzone, ultrapassou 10 milhões de unidades vendidas em todo o mundo. O número atualizado de vendas foi partilhado para celebrar o aniversário.



A acompanhar as vendas atualizadas, o PlayStation Blog partilhou curiosidades sobre o desenvolvimento do jogo, revelando que os primeiros elementos protótipo da jogabilidade de Horizon surgiram em 2010, quando o estúdio ainda estava a acabar Killzone 3.

Outra curiosidade é que Thunderjaw, uma das máquinas mais temíveis do jogo, foi visionado inicialmente como um brinquedo de crianças, usando vários blocos de construção para representar as peças que poderiam ser destruídas.


Ninguém sabia até agora que os sons da versão bebé de Aloy foram gravados usando a recém nascida de Lucas van Tol, o sênior sound designer da Guerrilla Games. Os sons foram gravados em casa ao longo de vários dias, num local instalado ao pé da zona de brincar do bebé.

Mais impressionante é que Lucas van Tol estudou mais de 750 sons de pássaros, dos quais apenas 30 foram aprovados para a versão final. Os sons dos pássaros mudam com a hora do dia e têm um efeito diferente conforme o bioma em que estás inserido.

0 comentários:

Nos deixe saber sua opinião...

PlayStation Plus: Jogos Gratuitos Para Março de 2019

Dois novos títulos se juntam aos jogos gratuitos PlayStation Plus no dia 5 de março, com estilos e jogabilidade completamente diferentes. V...

Dois novos títulos se juntam aos jogos gratuitos PlayStation Plus no dia 5 de março, com estilos e jogabilidade completamente diferentes. Vamos dar uma olhada!

Call of Duty: Modern Warfare Remastered

A gigantesca série da Activision, Call of Duty, é parte importantíssima da realidade dos games modernos, e foi em 2007 que o desenvolvedor Infinity Ward conquistou o mundo dos consoles com sua abordagem contemporânea da popular série de ação que ajudou a criar. Em 2016, Modern Warfare Remastered trouxe o clássico de volta em HD para uma nova geração de gamers, mantendo sua jogabilidade de tiro de primeira classe, e design de fases brilhante.

Baixe-o este mês com PS Plus e reviva um verdadeiro clássico dos FPS (em glorioso 4K dinâmico no PS4 Pro, quando jogado numa TV de 4K).

The Witness
Dos mesmos desenvolvedores do charmoso game de puzzles e plataformas de 2088, Braid, o criador Jonathan Blow logo retornou ao trabalho e passou os próximos oito anos num novo projeto ambicioso.
O resultado foi The Witness — de 2016, um enigmático jogo de puzzles em primeira pessoa que se passa numa ilha supostamente deserta, cheia de puzzles ligados uns aos outros de uma ponta à outra da ilha.
Com uma narrativa surpreendente e uma sensação incrível de vitória ao resolver os puzzles, The Witness é um marco de design e narrativa com ambientação. Baixe The Witness com PS Plus este mês e coloque sua massa cinzenta para trabalhar.
Ambos os títulos estarão disponíveis para baixar na PlayStation Store do dia 5 de março ao dia 1 de abril de 2019.
Enquanto isso, ainda há tempo para baixar os títulos PlayStation Plus de fevereiro.
Hitman, com sua constante mistura de assassinatos livres deverá mantê-lo ocupado tentando não ser pego, ou se preferir, domine For Honor e a ‘Arte da Batalha’ para desferir combos devastadores.
Se ainda não baixou, agora é sua chance — estarão disponíveis até o dia 4 de março de 2019. Lembrando que títulos PS3 e PS Vita não farão mais parte dos jogos mensais gratis PS Plus. Se ainda não adquiriu os seguintes títulos PS3 e PS Vita dos jogos de fevereiro, estarão disponíveis até o dia 8 de março de 2019:
  • Divekick, PS3 (Cross-Buy com PS Vita)
  • Metal Gear Solid 4: Guns of the Patriots, PS3
  • Gunhouse, PS Vita (Cross-Buy com PS4)
  • Rogue Aces, PS Vita (Cross-Buy com PS4)
Qualquer título PS3 e PS Vita que você já tenha baixado, ou irá baixar antes do dia 8 de março de 2019 não será afetado por essa mudança. Tais jogos continuarão fazendo parte de sua biblioteca PS Plus, desde que permaneça um membro. Seus jogos gravados e outros benefícios PS Plus também não serão afetados.
Por último, os especiais PS Plus deste mês estão com ótimos títulos, incluindo Yakuza Kiwami 2 com 40% de desconto, e tanto Hollow Knight quanto Just Cause 4 com 50% de desconto. Seja rápido! Os especiais PS Plus de fevereiro terminam no dia 5 de março de 2019.
Obrigado pelo seu suporte, e nos vemos no próximo mês!
*Uma conexão com a internet e uma assinatura PS Plus são necessárias para funções online multiplayer.

0 comentários:

Nos deixe saber sua opinião...

RUMOR: ASSASSIN’S CREED LEGION VEM EM 2020, NA ROMA ANTIGA E COM CROSS-GEN

Um rumor recente foi levantado no 4Chan e relata algo curioso: o próximo Assassin’s Creed, planejado para 2020, se chamará Legion, se passa...

Um rumor recente foi levantado no 4Chan e relata algo curioso: o próximo Assassin’s Creed, planejado para 2020, se chamará Legion, se passará na Roma Antiga e será um jogo cross-gen, chegando para PlayStation 4, Xbox One e também aos novos consoles PS5 e Xbox Scarlett (codinome do console até o momento).

Segundo o rumor, que não é dos mais confiáveis, o game será o último da “Trilogia Antiga”, fechando períodos antigos da história. Os boatos apontam que esse Assassin’s Creed Legion teria mais elementos de história da franquia, ou seja, com as raças alienígenas e conspirações, do que fatos históricos. O período giraria entorno da época dos imperadores Marco Aurélio e Cômodo (mesma época do filme “Gladiador”), e pode envolver as batalhas sucessórias no ano dos 5 imperadores (no ano 193 d.C.).

Assassin’s Creed Legion traria uma evolução de Odyssey

De acordo com os boatos, os jogadores poderiam optar para jogar com o protagonista Cassius ou com a protagonista Lucia, similar ao de Assassin’s Creed Odyssey. Mais uma vez, os elementos de RPG seriam bem intensos e a fórmula atual seria mantida e expandida.

Por fim, os rumores dizem que os sistemas de mercenário e cultista seriam refeitos de outra maneira, trazendo novidades.



O rumor pode ser falso

Segundo Jason Schreier, editor do Kotaku, o rumor é falso. No passado, o editor já se provou ser uma fonte confiável quando o assunto é Assassin’s Creed. Se o rumor é real ou falso, teremos que esperar uma revelação oficial da Ubisoft. 2020 está longe, mas a franquia Assassin’s Creed tem um histórico longo de vazamentos.

Será que o próximo Assassin’s Creed se chamará Legion e será cross de gerações, saindo para PS4, PS5, Xbox One e Xbox Scarlett? Teremos que esperar para ver.

0 comentários:

Nos deixe saber sua opinião...

Presidente do Brasil usa música de Sonic '06 num vídeo promocional

O jogo Sonic the Hedgehog de 2006 é provavelmente uma das piores memórias possíveis para qualquer fã da icônica mascote da SEGA, cuja exist...

O jogo Sonic the Hedgehog de 2006 é provavelmente uma das piores memórias possíveis para qualquer fã da icônica mascote da SEGA, cuja existência provavelmente preferiam esquecer.

No entanto, essa amarga experiência que mergulhou a popular série da SEGA no caos foi catapultada para a luz da ribalta em 2019 devido a um acontecimento totalmente inesperado.
Jair Bolsonaro, atual presidente do Brasil, partilhou uma mensagem de teor político nas redes sociais, na qual é usada uma música vinda desse infame lançamento da SEGA.
Os fãs Brasileiros de Sonic perceberam de imediato que estavam a ouvir o tema do boss final de Sonic '06 e o momento também não passou despercebido à própria SEGA.
A companhia partilhou uma mensagem no Twitter onde partilha o vídeo apresentado por Jair Bolsonaro e diz, "locais onde não esperávamos ouvir a banda sonora de Sonic 2006."
Como seria de esperar, os fãs de Sonic já reagiram com diversas imagens e memes sobre o que se está a passar e com o facto de Sonic '06 ter sido ressuscitado de forma tão inesperada.

0 comentários:

Nos deixe saber sua opinião...

Playstation 5 - Analista prevê a chegada do PS5 entre Abril de 2021 e Março de 2022

A geração atual das consoles está quase a chegar ao fim e muito se especula já sobre a janela de lançamento dos próximos, sem qualquer co...


A geração atual das consoles está quase a chegar ao fim e muito se especula já sobre a janela de lançamento dos próximos, sem qualquer consenso.

O mais recente "palpite" provém da Rakuten Securities, sediada em Tóquio, (e reportado pelo Twinfinite) que estabeleceu uma nova janela de lançamento para a próxima plataforma da Sony.
De acordo com o analista Yasuo Imanaka que, recentemente, lançou a sua análise a respeito dos resultados financeiros da Sony, o PS5 poderá chegar numa data muito mais tardia do que aquelas que têm vindo a ser apontadas.
Imanaka revela que, apesar de ser possível o lançamento da consola entre Abril de 2020 e Março de 2021, existe uma maior probabilidade do seu lançamento decorrer no ano fiscal seguinte, que vai desde Abril de 2021 a Março de 2022.
O analista vai ainda mais além, afirmando que não existe a possibilidade da PS5 ser lançada antes de Março de 2020. Imanaka-san também acredita que Ghost of Tsushima será lançado até Março de 2020, enquanto que The Last of Us: Part II e Death Stranding poderão ser lançados no próximo ano fiscal ou no seguinte.
Estas previsões são muito diferentes das que temos vindo a acompanhar até agora: por exemplo Pachter acredita que o novo console da Sony chegará já no próximo ano.
Na tua opinião, em que ano chegará o PS5 aos mercados? Dá o teu palpite na caixa de comentários!

0 comentários:

Nos deixe saber sua opinião...

Playstation 5 - Sony continua a investir na retro-compatibilidade

A Sony Interactive Entertainment parece estar a investigar diversas soluções em torno da retro-compatibilidade, sugerindo que será uma das ...

A Sony Interactive Entertainment parece estar a investigar diversas soluções em torno da retro-compatibilidade, sugerindo que será uma das suas apostas para uma futura consola.
Recentemente, a companhia registou uma patente relacionada com a retro-compatibilidade e hoje foi descoberto um novo esforço por parte da Sony, via GamesRadar.
Esta nova patente é mais explícita que a anterior e é destinada diretamente a uma solução para operações relacionadas com a retro-compatibilidade - sugerindo que o PlayStation 5 poderá ser retro-compatível com o PlayStation 4.
Esta patente mostra um método através do qual são emuladas comunicações internas para um sistema antigo, que será aplicada a nova tecnologia que a Sony está a desenvolver.

A possibilidade de gerir a performance de tecnologia mais antiga no novo hardware também é mencionada na nova patente, algo que poderá sugerir que a Sony estará pronta para te deixar escolher no PS5 os diferentes modos de performance presentes nos jogos PS4.
Como podes conferir no registro desta nova patente, a Sony Interactive Entertainment lista Mark Cerny como o seu criador, o que reforça o seu uso em hardware PlayStation.
Consideras a retro-compatibilidade com a PS4 uma das funcionalidades obrigatórias de uma futura PlayStation 5?

1 comentários:

Nos deixe saber sua opinião...

Rumor: Google vai revelar o seu hardware de videojogos em Março

Os rumores de que a Google está a planear uma plataforma de videojogos já têm quase um ano. O primeiro rumor surgiu em Junho, quando a giga...

Os rumores de que a Google está a planear uma plataforma de videojogos já têm quase um ano. O primeiro rumor surgiu em Junho, quando a gigante de tecnologia começou a contratar produtores da Electronic Arts e PlayStation.

Em Outubro, a companhia começou a mostrar os primeiros resultados do seu investimento nos videojogos, organizando um teste que permitia jogar Assassin's Creed Odyssey através de uma janela no Google Chrome.
Agora, a Google agendou uma apresentação na Games Developer Conference que decorrerá em Março na cidade de São Francisco. As fontes do 9to5google adiantam que a apresentação será sobre a tecnologia de streaming da Google e o hardware que a acompanhará.
Em grande parte, o plano da Google para os videojogos parece semelhante ao da Microsoft, que está a investir em serviços de streaming de videojogos, mas continuará a ter hardware dedicado, atacando assim duas frentes e abrangendo um maior número de consumidores.
A conferência da Google na Games Developer Conference está marcada para 19 de Março.

2 comentários:

Nos deixe saber sua opinião...

Novos Xbox terão SSDs, segundo novo rumor

O  Jeuxvideo , um dos sites franceses de videojogos mais respeitados, afirma que obteve informações adiantadas sobre os dois novos consoles...

Jeuxvideo, um dos sites franceses de videojogos mais respeitados, afirma que obteve informações adiantadas sobre os dois novos consoles Xbox que a Microsoft está a preparar para a próxima geração.

Os dois novos consoles, que têm o nome de código Lockhart e Anaconda, serão apresentadas na E3 2019. A primeira será uma versão menos poderosa, sem suporte para videojogos em formato físico. A segunda será uma versão topo de gama, semelhante ao que a Microsoft fez esta geração com o Xbox One X.
O site diz que durante a sua investigação conseguiu apurar que as especificações que começaram a circular na Internet em Janeiro de 2019 estão próximas da realidade e que ambas as novas Xbox terão discos SSD (mais rápidos do que os discos HDD).
As especificações que começaram a circular em Janeiro são as seguintes:
Xbox Lockhart
  • CPU: Custom 8 Cores - 16 zen threads 2
  • GPU: Custom NAVI 4+ Teraflops
  • RAM: 12GB of GDDR6 memory
  • Armazenamento: 1TB NVMe 1 + GB / s SSD hard drive
Xbox Anaconda
  • CPU: Custom 8 Cores - 16 zen threads 2
  • GPU: Custom NAVI 12+ Teraflops GPU
  • RAM: 16GB of GDDR6 memory
  • Armazenamento: 1TB NVMe 1 + GB / s SSD hard drive
O site também afirma ter informações privilegiadas sobre os próximos jogos da Microsoft, confirmando aquilo que todos já suspeitavam: Halo Infinite será um título cross-gen, ou seja, será lançado para a Xbox One mas também para o hardware da próxima geração. O lançamento deverá ocorrer no final de 2020.
A Ninja Theory estará já também a trabalhar no novo hardware e o seu primeiro título debaixo da alçada da Microsoft está previsto para o início de 2020. Todos os olhos estão postos na conferência E3 2019 da Microsoft.

0 comentários:

Nos deixe saber sua opinião...

NOVO XBOX SERÁ APRESENTADO NA E3 2019, RELATA SITE

Os consoles de nona geração da Xbox, conhecidos atualmente pelos codinomes Lockhart e Anaconda, vão ser apresentados durante a conferência ...

Os consoles de nona geração da Xbox, conhecidos atualmente pelos codinomes Lockhart e Anaconda, vão ser apresentados durante a conferência da marca na E3 2019, de acordo com o site francês Jeux Video.
Fontes do veículo apontam ainda que Halo Infinite, próximo game da franquia, seria lançado para as duas gerações de console -- Xbox One e Lockhart/Anaconda -- em 2020.

Não há confirmação, no entanto, de que o jogo chegaria primeiro ao Xbox One e seria disponibilizado posteriormente na plataforma mais moderna via retrocompatibilidade ou se seriam versões essencialmente diferentes.
Em dezembro já havia especulações a respeito dos dois novos consoles da Xbox, cuja previsão de lançamento, então, já era para 2020.
A diferença entre ambos seria semelhante a que há entre os atuais Xbox One S e Xbox One X: Lockhart deve ser um modelo menos potente, com tecnologia mais acessível para os consumidores, enquanto o chamado Anaconda será mais caro, mas "superior" em termos de capacidade.
Enquanto Lockhart seria parecido com ou um pouco mais potente do que o Xbox One X, Anaconda seria consideravelmente superior, oferecendo "uma experiência de console sem igual".


0 comentários:

Nos deixe saber sua opinião...

Rumor - Platinum não tem capacidade para voltar a Scalebound

Não tem dinheiro, nem sequer funcionários para pegar noutro projeto de grande escala. Liam Robertson, também conhecido como Game History ...

Não tem dinheiro, nem sequer funcionários para pegar noutro projeto de grande escala.

Liam Robertson, também conhecido como Game History Guy, que frequentemente revela informações sobre projetos cancelados ou sobre jogos que nunca chegaram a ser anunciados, falou sobre um dos assuntos do momento. A possibilidade de Scalebound ser ressuscitado como um exclusivo Nintendo Switch tem dado muito que falar, mas Robertson explica que isso é incrivelmente difícil de acontecer.



No seu mais recente vídeo, Robertson avança que Hellblade na Switch é apenas um exemplo de uma relação entre a Microsoft e a Nintendo que continuará a dar frutos no futuro, mas lançar Scalebound na Switch não faz parte dos planos e nem faz sentido.

Robertson partilha que a Platinum Games e a Microsoft concordaram em cancelar Scalebound e existem diversos factores que impedem o estúdio Japonês de avançar com o projeto.

Segundo explica, a Platinum não tem capacidade financeira para adquirir a propriedade Scalebound e uma vez que a grande maioria dos criativos responsáveis pelo jogo já saíram, não faria sentido ressuscitar o projeto.

Além disso, Robertson avança que a Platinum não tem capacidade para trabalhar em mais um projeto de grande envergadura e recentemente teve de recusar um grande título por não ter pessoal suficiente.

"Também existe a questão que a Microsoft é dona de Scalebound," diz Robertson.

"A Nintendo e a Microsoft têm uma boa relação atualmente e ouvi que estão a trabalhar em conjunto em grandes coisas, mas penso que vender Scalebound à Nintendo seria exagerado."


Para Robertson, o jogo que a Nintendo poderá ressuscitar não é Scalebound e nem será Project H.A.M.M.E.R., mas não avança outras possibilidades.

0 comentários:

Nos deixe saber sua opinião...

Rumor: Microsoft continuará a trabalhar com a Nintendo

Os recentes rumores sobre Scalebound ser ressuscitado como um exclusivo Nintendo Switch têm dado muito que falar, mas uma nova voz decidiu ...

Os recentes rumores sobre Scalebound ser ressuscitado como um exclusivo Nintendo Switch têm dado muito que falar, mas uma nova voz decidiu falar sobre o assunto e gerou nova especulação.

Liam Robertson, também conhecido como Game History Guy, que frequentemente revela informações sobre projetos cancelados ou sobre jogos que nunca chegaram a ser anunciados, partilhou algumas informações relacionadas com esse rumor e falou sobre a possibilidade da Microsoft lançar mais jogos na Nintendo Switch.
Robertson diz que a relação entre a Microsoft e a Nintendo está muito boa, mas as duas companhias não estão a preparar a chegada de Scalebound à híbrida, o objectivo é outro.
Depois de Minecraft, a Microsoft e a Nintendo anunciaram Hellblade para a Nintendo Switch, mas isto é apenas o princípio de uma colaboração que resultará na chegada de mais jogos da Microsoft à Switch.
Segundo explica, a Microsoft e a Nintendo têm conversado sobre a posição da primeira enquanto third-party e sugere que ambas estão a preparar coisas entusiasmantes.
Robertson sugere que a Microsoft continuará a lançar jogos na Nintendo Switch e que Hellblade é apenas o seu segundo esforço e não um caso isolado que já estaria em desenvolvimento quando comprou a Ninja Theory.

0 comentários:

Nos deixe saber sua opinião...

Ex-Platinum diz que a Microsoft é dona da PI Scalebound

Scalebound é um dos nomes que marcará esta geração, um exclusivo Xbox One da Platinum Games que não teve a oportunidade de ver a luz do dia...

Scalebound é um dos nomes que marcará esta geração, um exclusivo Xbox One da Platinum Games que não teve a oportunidade de ver a luz do dia e gerou imensa desilusão quando foi cancelado.
No entanto, o jogo voltou aos cabeçalhos devido a um novo rumor que avança a possibilidade de ressuscitar pelas mãos da Nintendo como um exclusivo Switch, algo que ainda não foi comentado oficialmente por qualquer uma das 3 partes envolvidas - Microsoft, Platinum Games ou Nintendo.
Este rumor trouxe de volta todas as questões em torno dos motivos do cancelamento do jogo e sobre quem é a dona da propriedade intelectual e licença Scalebound.
Jean Pierre Kellams está agora a trabalhar na Electronic Arts, mas durante vários anos, trabalhou na Platinum Games e serviu como produtor criativo no desenvolvimento de Scalebound.
Sendo um projecto ao qual se dedicou ao longo de vários anos, Kellams comentou o rumor e diz que apesar de não ser algo impossível, duvida fortemente que possa ser verdade.
"Raios. Não sei. Já não trabalho lá e não tenho falado com ninguém de lá sobre isto, mas duvido muito que isto seja verdade," comentou Kellams sobre o rumor de Scalebound ressuscitar como exclusivo Switch.
Como seria de esperar, o comentário de Kellams gerou algumas perguntas entre os seus seguidores e acrescentou que os direitos sobre a propriedade podem tornar esta situação altamente improvável.
"Eu também," disse Kellams a um seguidor que apontava a dificuldade deste rumor ser real tendo em conta quem detém os direitos da propriedade.
PUBLICIDADE
"Isso e as diferenças de hardware. Neste momento, faz mais sentido simplesmente criar um novo jogo. Scalebound não era uma propriedade intelectual adorada. Nunca teve a oportunidade de se tornar nisso."
Shit. I don’t know. I don’t work there anymore and haven’t talked to anyone about it, but I’d highly doubt this is a thing.
Nintendo Insider@NintendoIns
Report: Scalebound Resurrected As A Nintendo Switch Exclusive #NintendoSwitch
https://www.
nintendo-insider.com/report-scalebo
und-resurrected-as-a-nintendo-switch-exclusive/ 

Ver imagem no Twitter
188 pessoas estão falando sobre isso
Questionado diretamente sobre quem é a dona da propriedade, Kellams não teve dúvidas e respondeu que é a Microsoft.
"Quando eu trabalhei nele, a Microsoft. Claramente."
Kellams deixou ainda uma mensagem para todos os que continuam a querer saber informações de Scalebound após o nome surgir associado ao rumor, dizendo ainda que se existisse a oportunidade de o terminar, adoraria fazê-lo, mas uma das razões pelas quais saiu da Platinum foi porque isso parecia improvável.
"Penso que vou desligar o Twitter até este rumor morrer. Tenho pessoas que me referem em todo o tipo de estupidez. Não me venham com as vossas estúpidas mensagens de registos de propriedade, ou argumentos entre Microsoft e Nintendo, ou o que ouviste ser a verdade sobre Scalebound."
"Quer dizer, o jogo deixou-me literalmente estourado, mandou-me para a terapia, desiludiu-me, fez-me aprender muito, motivou-me a experimentar coisas novas e locais novos; todo o tipo de positivos e negativos. Mas o que não fez foi dar a todos na internet qualquer pista sobre o que estão a falar."
Em Junho de 2014, Kamiya disse que poderia criar algo como Scalebound para a Nintendo Wii U, se a Nintendo financiasse o projeto, algo que poderá ter sido feito precisamente com Astral Chain.

Fontes não oficiais dizem que Astral Chain pegou nas ideias de Scalebound e deu origem a algo novo, que será lançado em exclusivo para uma plataforma da Nintendo.

0 comentários:

Nos deixe saber sua opinião...

Rumor - Scalebound regressará como exclusivo Switch

Scalebound poderá regressar da terra dos mortos e como um exclusivo Nintendo Switch. O rumor que surge agora avança a possibilidade da Plat...

Scalebound poderá regressar da terra dos mortos e como um exclusivo Nintendo Switch.

O rumor que surge agora avança a possibilidade da Platinum Games voltar a colaborar com a Nintendo para entregar mais um lançamento de peso à popular híbrida.
Imran Khan da Game Informer conversou com o Kinda Funny Games e disse que a Nintendo está a preparar o regresso de um jogo que já foi anunciado, mais tarde cancelado e entretanto dado como morto.
Agora, o NintendoInsider diz ter confiança suficiente nas suas fontes para avançar que esse jogo poderá ser mesmo Scalebound.
Segundo as suas fontes, a Platinum Games poderá usar o trabalho que fez antes do jogo ser cancelado e até poderá usar o nome, uma vez que a Microsoft deixou a licença expirar em 2017 - quando não conseguiu especificar os usos que daria ao nome Scalebound.
Entretanto, outras fontes não oficiais comentaram que as suas próprias fontes avançaram algo similar, que Scalebound seria mesmo lançado e não seria um exclusivo da Microsoft.
Alanah Pearce do Inside Gaming, diz que as suas fontes avançaram em Junho que Scalebound estava em desenvolvimento e reforça as informações avançadas pelo Nintendo Insider.
Em Junho de 2014, o próprio Kamiya respondeu a um fã que poderia desenvolver algo ao estilo de Scalebound para a Wii U se a Nintendo financiasse o projecto.
A sua resposta poderá ter sido mais séria do que muitos pensaram.
Kamiya está a supervisionar Astral Chain e o seu papel em Bayonetta 3 continua por confirmar, mas poderá ter nas mãos a oportunidade de dar vida a um jogo que confessou ser um sonho tornado realidade.

0 comentários:

Nos deixe saber sua opinião...