News

PS5 custará pelo menos 499€, avança o Bloomberg

A Sony vai produzir menos unidades do PlayStation 5 no seu primeiro ano de vida, comparativamente com o que fez no PS4, devido aos elevados...

A Sony vai produzir menos unidades do PlayStation 5 no seu primeiro ano de vida, comparativamente com o que fez no PS4, devido aos elevados custos de fabricação do console de próxima geração.

Esta informação é avançada pelo Bloomberg que diz ter sido informado por fontes na distribuição que o PS5 custará 499.99€ e que a Sony não consegue baixar o preço.
As fontes, que preferiram permanecer no anonimato, dizem que as ambiciosas especificações do PS5 vão forçar um alto preço de venda e que a pandemia COVID-19 não interferiu com os planos de produção, apenas com os de promoção.
O Bloomberg avança que a Sony informou as suas parceiras no processo de fabricação que produzirá entre 5 a 6 milhões de consoles PS5 até 31 de Março de 2021, números inferiores aos 7.5 milhões de PS4 fabricados nos seus primeiros meses de vida.
O custo dos componentes e da fabricação poderá forçar a Sony a colocar o PS5 a um preço de 499.99€ nas lojas, para, pelo menos, não perder dinheiro, sendo possível que a Sony opte por vendê-lo por 549.99€.
No entanto, Damian Thong, analista na Macquarie Ryan, acredita que o PS5 poderá ser lançada a 449.99€, para se tornar mais apelativa, mesmo que isso signifique a perda de dinheiro para a Sony.
As fontes do Bloomberg dizem que a Sony tentará equilibrar as suas finanças com o negócio do PS4, que baixará de preço, tal como o modelo Pro, procurando ainda estimular novos clientes a aderir a serviços como PlayStation Plus e PlayStation Now.
Sobre o lançamento, o plano é lançar o PS5 em Novembro em todo o mundo e sem previsões para adiamento, especialmente porque a Microsoft está preparando o seu Xbox Series X para a mesma data.
A Sony prevê ainda que a pandemia COVID-19 tenha um impacto mais sério no desenvolvimento de videojogos de próxima geração.
PUBLICIDADE

0 comentários:

Nos deixe saber sua opinião...